28 mar 17

O câncer é uma doença que se caracteriza pelo crescimento desordenado e invasivo de células do nosso corpo. Obviamente esta é uma informação técnica e fria sobre uma doença, mas que na prática traz uma série de dúvidas, angústias e sofrimento para aqueles que sofrem com a doença e de seus familiares. Como uma doença complexa e grave, com tratamentos e terapias agressivas, e com consequências físicas e emocionais enormes, pensar em todos os aspectos é muito importante.

Atendo em meu consultório pacientes com câncer e claramente percebo que um destes aspectos é algumas vezes negligenciado durante o processo de diagnóstico e tratamento. O aspecto nutricional! A razão para isto é que após o diagnóstico os pacientes são submetidos a inúmeros exames para estadiamento e acompanhamento da doença, cirurgias, quimioterapia e radioterapia, o que torna a sua vida tão intensa e atribulada, que é realmente difícil se pensar em todos os detalhes. Mas os aspectos alimentares e nutricionais não podem ser esquecidos. A má nutrição é um problema comum em pacientes com câncer e tem sido reconhecida como um efeito adverso importante da doença, já que aumenta a morbidade e mortalidade, além de causar um prejuízo à qualidade de vida. Mais do que isso, a perda de peso causada pela doença é um indicador de pior prognóstico em pacientes com câncer. Saibam que 80% dos pacientes com câncer digestivo e 60% dos pacientes com câncer de pulmão já se apresentam com perda significativa de peso (mais de 10% do peso em 6 meses) no momento do diagnóstico. Por isso, todo paciente com câncer deve ter a sua parte nutricional avaliada e estudada por um especialista capacitado em nutrição e que entenda a complexidade dos cuidados de um paciente com câncer. (mais…)

O câncer é uma doença que se caracteriza pelo crescimento desordenado e invasivo de células do nosso corpo. Obviamente esta é uma informação técnica e fria sobre uma doença, mas que na prática traz uma série de dúvidas, angústias e sofrimento para aqueles que sofrem com a doença e de seus familiares. Como uma doença […]
29 jul 15
Aspectos nutricionais da Doença de Crohn e da Retocolite Ulcerativa

A manutenção da saúde humana requer a ingestão contínua de nutrientes, assim como a sua digestão e absorção, o que só é possível quando o nosso trato digestivo funciona de maneira adequada. No entanto, muitas alterações digestivas interferem na digestão normal. A Doença de Crohn (DC) e a Retocolite Ulcerativa Idiopática (RCUI) são doenças do trato digestivo que se caracterizam por um proeminente processo inflamatório intestinal, repercutindo no processo digestivo e trazendo assim repercussões nutricionais evidentes. Desta forma, este artigo discute as principais alterações nutricionais decorrentes destas doenças e dos seus tratamentos. (mais…)

A manutenção da saúde humana requer a ingestão contínua de nutrientes, assim como a sua digestão e absorção, o que só é possível quando o nosso trato digestivo funciona de maneira adequada. No entanto, muitas alterações digestivas interferem na digestão normal. A Doença de Crohn (DC) e a Retocolite Ulcerativa Idiopática (RCUI) são doenças do […]
09 jun 15
Prebióticos e Probióticos: o que são e o que fazem para a nossa saúde?

Dr Fernando Valerio - Blog - Próbioticos
O trato gastrointestinal humano constitui o habitat de uma comunidade bastante grande e diversificada de microrganismos (bactérias). A colonização do trato gastrointestinal inicia-se imediatamente após o nascimento. Durante os primeiros dias de vida, o intestino é colonizado por bactérias provenientes do ambiente e da mãe. Entre 10 a 20 espécies compõem em torno de 90% das células bacterianas que ocupam o intestino humano. A mudança para microbiota adulta acontece após o desmame e, já no segundo ano de vida, a constituição da microbiota intestinal torna-se similar àquela de um adulto e mantém-se relativamente estável ao longo da vida. A quantidade e variedade de microrganismos aumentam progressivamente desde o estômago até o cólon. Em um indivíduo adulto, o trato gastrointestinal contém 10 vezes mais bactérias do que o número de células do corpo humano inteiro. Como esses microrganismos são metabolicamente ativos e interagem continuamente com o seu ambiente, são capazes de exercer uma influência significativa no desenvolvimento e na fisiologia do hospedeiro. Os prebióticos são ingredientes de alimentos que beneficiam o organismo do hospedeiro estimulando o crescimento e/ou o aumento da atividade de um número limitado de espécies de bactérias, gerando seletividade no cólon e possíveis benefícios à saúde e ao bem-estar dos indivíduos. Os probióticos são definidos como microrganismos vivos os quais conferem benefícios de saúde ao hospedeiro, quando administrados em quantidades adequadas. Sendo assim, o objetivo deste artigo é discutir do que se tratam os prebióticos e probióticos, assim como os seus possíveis efeitos à nossa saúde. (mais…)

O trato gastrointestinal humano constitui o habitat de uma comunidade bastante grande e diversificada de microrganismos (bactérias). A colonização do trato gastrointestinal inicia-se imediatamente após o nascimento. Durante os primeiros dias de vida, o intestino é colonizado por bactérias provenientes do ambiente e da mãe. Entre 10 a 20 espécies compõem em torno de 90% […]
23 mai 15
Whey Protein ou Caseína: qual destes suplementos de proteína é mais efetivo?

Dr Fernando Valerio - Blog - Whey x Caseina - 2
O treino de resistência simultaneamente estimula o catabolismo (consumo) e anabolismo (construção) das fibras musculares ativas. A diferença entre estes mecanismos é chamada de balanço proteico. Quando positivo, o balanço proteico favorece o aumento da massa muscular, como na hipertrofia. O efeito do treino de resistência sobre o balanço proteico pode persistir por mais de  48 horas. Desta forma, mudanças nutricionais poderiam aumentar o acréscimo das proteínas  no músculo, maximizando-se os efeitos do treino de resistência e fazendo com que o anabolismo fosse ainda mais efetivo. Já está bem demonstrada na literatura médica que o consumo de proteína após os exercícios desloca o balanço proteico em favor do aumento da síntese de proteínas. Quando se pensa na fonte de alimentar de proteínas, a suplementação proteica poder prover uma maior resposta anabólica quando comparada ao consumo de uma refeição normal. No entanto, a composição dos suplementos nutricionais, como as proteínas do soro do leite (whey protein) e a caseína, podem influenciar estes resultados, e por isto o tipo de suplemento proteico oferecido deve ser bem avaliado. Deve-se lembrar que só é considerado um suplemento de proteínas aquele produto que contém 50% do seu valor energético total proveniente de proteínas e que apresente no mínimo 10 gramas de proteínas por porção. (mais…)

O treino de resistência simultaneamente estimula o catabolismo (consumo) e anabolismo (construção) das fibras musculares ativas. A diferença entre estes mecanismos é chamada de balanço proteico. Quando positivo, o balanço proteico favorece o aumento da massa muscular, como na hipertrofia. O efeito do treino de resistência sobre o balanço proteico pode persistir por mais de  […]
08 mai 15
Dr. Fernando Valério é credenciado como Nutrólogo na Omint.

Omint Premium É com muita satisfação que comunicamos que o Dr. Fernando Valério, médico,  foi credenciado como nutrólogo para o atendimento aos pacientes do plano de saúde Omint (categoria Premium). Há mais de uma década o Dr. Fernando Valério já atua com a Omint nas áreas de Gastroenterologia (clínica e cirurgia) e Proctologia, e agora estará também atuando na área de Nutrologia.

Este foi mais um passo importante na carreira do Dr. Fernando Valério, já que demonstra o reconhecimento profissional pelos seus pares. A Omint é reconhecida como um plano de saúde de alto padrão, com busca pela excelência no relacionamento com os seus profissionais credenciados e pacientes. Por isso, a Omint tem em seu corpo clínico médicos com currículos expressivos e com atuação médica admirada pela sociedade médica. Sendo assim, mais do que uma oportunidade profissional, este credenciamento é motivo de orgulho para o Dr. Fernando Valério.

Quanto ao atendimento, o foco maior de atuação do Dr. Fernando Valério na área de Nutrologia serão as alterações alimentares nas doenças do aparelho digestivo (intolerâncias, alergias, doenças pépticas e funcionais), a nutrição esportiva (alimentação para o esporte, suplementos alimentares e ganhos de massa muscular) e os distúrbios metabólicos nutricionais (obesidade, diabetes, síndrome metabólica, vitaminas e minerais).

É com muita satisfação que comunicamos que o Dr. Fernando Valério, médico,  foi credenciado como nutrólogo para o atendimento aos pacientes do plano de saúde Omint (categoria Premium). Há mais de uma década o Dr. Fernando Valério já atua com a Omint nas áreas de Gastroenterologia (clínica e cirurgia) e Proctologia, e agora estará também […]
06 mai 15
Síndrome Metabólica: o que é e o que representa para a sua saúde?

Dr Fernando Valerio - Blog - Sindrome metabolica
O termo síndrome metabólica é utilizado para descrever uma série de alterações metabólicas que podem trazer enorme prejuízo à saúde. Estas alterações são representadas pela resistência à insulina ou aumento da glicemia (aumento do açúcar no sangue), obesidade abdominal, alterações de colesterol (LDL alto e HDL baixo) e triglicérides, e hipertensão arterial. Estes fatores são importantes porque cada componente aumenta o risco de doença cardiovascular e do desenvolvimento de diabetes, sendo que pode haver sinergismo entre eles, aumentando assim o risco. Desta forma, o objetivo deste artigo é mostrar a importância de se perceber que estas alterações podem nos prejudicar enormemente, e que a sua presença em conjunto não é apenas uma coincidência, e sim um enorme risco. (mais…)

O termo síndrome metabólica é utilizado para descrever uma série de alterações metabólicas que podem trazer enorme prejuízo à saúde. Estas alterações são representadas pela resistência à insulina ou aumento da glicemia (aumento do açúcar no sangue), obesidade abdominal, alterações de colesterol (LDL alto e HDL baixo) e triglicérides, e hipertensão arterial. Estes fatores são […]